Riscos do trabalho remoto para a Segurança Cibernética

31 de agosto de 2021
Adriano Martins Antonio

A pandemia da Covid-19 acelerou um processo que já era previsto. A utilização do trabalho remoto tem se tornado cada vez mais comum nos últimos tempos.

Empresas buscam horários mais flexíveis, além de mais dinamismo e rapidez nos processos. Tudo isso é proporcionado pelo trabalho remoto.

Os funcionários se sentem mais confortáveis em não ter que se deslocar para o trabalho e ter mais controle sobre a sua agenda. Segundo uma pesquisa da Buffer, ainda de 2019, 98% dos profissionais preferem trabalhar de casa.

Mas falando sobre Segurança Cibernética, o trabalho remoto é um problema para garantir a segurança?

Neste artigo vamos falar sobre os riscos nesse contexto.

O que caracteriza um trabalho remoto?

O trabalho remoto significa qualquer trabalho que você faça que não exija o deslocamento até o escritório. 

A premissa é esta: graças à era digital, você pode concluir projetos com sucesso e se comunicar com sua equipe (ou até mesmo gerenciá-la) sem estar na mesma sala ou então na mesma cidade.

Isso significa que, em vez de entrar em um escritório todos os dias, você pode trabalhar remotamente de qualquer lugar, desde que tenha um computador e internet de qualidade.

Cibersegurança e o trabalho remoto

Após todas as restrições causadas pela pandemia, algumas empresas que não adotavam esse modelo começaram a lidar com o trabalho em casa.

Nesse meio tempo, muitas perceberam que o trabalho remoto representa mais liberdade, mais autonomia e menos custos, tanto para a empresa, quanto para os funcionários.

Entretanto, o que muitas empresas ainda não se atentaram é que o trabalho remoto deve conter todas as medidas de cibersegurança para evitar possíveis ataques para a empresa.

👉Tio Adriano indica: 7 dicas para criar um plano de Segurança Cibernética

A Segurança Cibernética precisa das sedes?

O home office representa uma revolução no mercado de trabalho. Os benefícios são muitos, mas se não existir preparo e atenção em todos os processos, existem grandes riscos de falhas cibernéticas.

Por isso, é fundamental a educação e a cultura da Segurança Cibernética dentro da sua empresa. 

O treinamento vai ajudar a sua equipe a ter consciência dos riscos que um ataque cibernético pode causar à organização.

Dicas para manter a Segurança Cibernética no trabalho remoto

Além de criar a cultura do estudo da área para a sua equipe, treinar e manter todos os processos alinhados com a finalidade de garantir a segurança, existem algumas dicas que podem auxiliar você a manter o ambiente mais seguro.

Avalie os computadores dos funcionários

Antes de mais nada, é importante garantir que os dispositivos usados pelos funcionários sejam atualizados e com todas as ferramentas de segurança necessárias.

Você pode aplicar os patches de segurança nas máquinas dos funcionários e programar atualizações de correções sempre que possível.

É importante instalar uma VPN para impedir qualquer acesso não autorizado aos dados por meio de uma criptografia de rede.

Capacite os usuários

As empresas devem estreitar a comunicação entre funcionários. Com isso, os funcionários podem relatar qualquer tipo de risco ou problema que pode causar algum ataque à instituição.

Assim, é interessante que os funcionários sejam capacitados para identificar mensagens não confiáveis, links suspeitos e arquivos desconhecidos. 

Sabendo disso, o funcionário pode avisar imediatamente o setor responsável e evitar danos à Segurança Cibernética da empresa.

Recomende o não uso casual do dispositivo de trabalho

A navegação casual no trabalho pode comprometer a segurança da empresa. Isso porque o funcionário pode clicar em um link não seguro ou abrir algum arquivo desconhecido.

É interessante que se deixe claro para os funcionários a importância de se evitar esse tipo de uso. 

Compras em sites, navegação em redes sociais e sites de notícias são perigosos para a segurança da rede.

Conclusão

O trabalho remoto veio para ficar. Mas para garantir toda a segurança no processo é fundamental se falar de Segurança Cibernética.

O controle deve ser frequente para garantir que todos os dados e processos da empresa estejam sempre salvos, garantindo também que seus funcionários possam focar em seus resultados.

Além disso, promova bons treinamentos de Segurança Cibernética para seus funcionários e construa uma boa equipe de gestão de riscos para lidar com qualquer tipo de problema relacionado à segurança de dados. 

O artigo foi útil para você? Então compartilhe com os amiguinhos! E claro, confira os outros textos do meu blog!

Blog

Open Banking é seguro?

O que é Open Banking e quais os desafios que oferece para a segurança de dados? Entre as novidades que permeiam o mercado financeiro e

Leia Mais »

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Assine Minha Newsletter

Fique por dentro das novidades e receba conteúdos exclusivos em seu e-mail.